A invasão de um sinal de televisão: o incidente Max Headroom

Antes de qualquer coisa, o nome do acontecimento vem do personagem do programa Max Headroom. Max Headroom tinha um apresentador que era uma aparente inteligência artificial, sua voz era eletronicamente produzida e era distorcida com algumas gagueiras. Entendido isso, vamos ao que interessa:

Na noite do dia 22 de novembro de 1987, o sinal de televisão de duas emissoras de Chicago (WGN-TV e WTTW) foi invadido por um indivíduo que não foi identificado. 

Na primeira emissora a invasão foi feita durante o jornal "The Nine O'Clock News". Durante uma matéria sobre a vitória de um time de Chicago, o Chicago Bears, a tela escureceu por quinze segundos e surgiu um homem com uma máscara do apresentador do Max Headroom. O fundo no vídeo em que mostrava o homem se movia de um lado para outro, o áudio era só chiados. A WGN-TV mudou o link do estúdio e voltou para sua programação normal. O âncora de esportes, Dan Roan, disse: "Se você está surpreso com o que aconteceu, eu também estou". Vídeo da primeira ocorrência:


Após a primeira ocorrência, o responsável por aquilo foi procurado no prédio da emissora inteiro porém não encontraram ninguém e só assim perceberam que foi uma invasão de sinal.

A segunda ocorrência aconteceu, por volta das 23:15, durante um episódio da série Doctor Who, o sinal foi invadido novamente pelo mesmo indivíduo. O episódio foi interrompido por estática e logo apareceu o mesmo homem, com a máscara do apresentador Max Headroom e óculos escuros. O áudio continuava distorcido e com chiados mas era possível ouvir a maioria das frases que o invasor falava.

O mascarado começa dizendo que era melhor que um especialista chamado Chuck Swisrky, chamando o mesmo de "maldito liberal". Continua gritando e rindo enquanto o áudio chia até que em um momento ele fala: "Catch the Wave!", segurando uma lata de Pepsi, embora o slogan fosse da Coca-Cola. Ele joga para fora da câmera a lata e mostra o dedo do meio, embora não tenha sido visto nas gravações.

Ele recupera a lata e começa a cantar "Your love is fading" (tradução: "Seu amor está desaparecendo"), um dos versos da música I Know I'm Losing You, da banda The Temptations. Após isso, ele cantarola o tema de abertura da série Clutch Cargo e fala "I still see the X" ("Eu ainda vejo o X", traduzindo). Em seguida ele começa a gemer e fala que "fez uma enorme obra-prima para todos os maiores nerds jornalistas do mundo". Ele puxa uma luva semelhante a de Michael Jackson e comenta: "Meu irmão está usando a outra (luva)", quando coloca-a, ele exclama: "Está suja! Manchada de sangue!" e em seguida retira a luva e joga no chão.

A cena é cortada e quando volta, o homem expõe suas nádegas pra câmera. Com a máscara na mão (e com o rosto fora da visão da câmera), ele balança-a e grita "Eles estão vindo me pegar!", nesse momento aparece uma mulher vestida com uniforme de empregada francesa e começa a bater nas nádegas do indivíduo com um mata-moscas. A transmissão foi cortada por segundos e foi retomada a programação normal. Vídeo da segunda ocorrência:


Embora provavelmente tenha sido visto por muitas pessoas, até hoje não foram encontrados os invasores que causaram essa interrupção na programação das duas emissoras, não sabe-se nem as motivações da invasão. Sinistro, não?

Referências: [Wikipédia], [Creepypasta Brasil], [Motherboard]
A invasão de um sinal de televisão: o incidente Max Headroom A invasão de um sinal de televisão: o incidente Max Headroom Reviewed by Eric Bitencourt on 19:00 Rating: 5

Nenhum comentário

Spirits THEME